Loading...

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

O INTERMINÁVEL BILLY IDOL





William Michael Broad nasceu a 30 de novembro de 1955 em Stanmore, Inglaterra, tendo vivido parte de sua infância juntamente com a família nos Estados Unidos. O nome artístico Billy Idol foi um trocadilho com o adjetivo "idle" (vagabundo, indiscisplinado) que o caracterizava durante os anos de escola.

Tendo abandonado a faculdade no primeiro ano de curso e sem absolutamente nenhum apoio da família, resolveu seguir carreira musical, passando por grupos de grande importância no desenvolvimento dos estilos punk e new wave.

Sua primeira participação em uma banda de expressão ocorreu com os Siouxie and the Banshees (que alcançaria o sucesso anos depois e também responsável pela revelação de Roberth Smith do The Cure), logo saindo para formar a sua própria banda de expressão juntamente com Mick Jones e Brian James (guitarristas, mais tarde das bandas Clash e Damned), Tony James (baixista), John Towe ( baterista) e Gene October (vocais). O nome Chelsea e a formação inicial da banda iriam mudar até que em 1976 estava formada a Generation X com Billy na guitarra e vocal, Tony James e John Towe. A banda iria durar até 1980 tendo alcançado uma relativa repercussão em seus três álbuns e principalmente influenciado dezenas de bandas que se seguiriam.

Em 1981 Billy Idol resolveu seguir sua carreira solo nos Estados unidos, arregimentando para a banda que o acompanharia o excelente guitarrista Steven Stevens que está com ele desde então. Entre seus maiores sucessos solo destacam-se "Rebell Yell", "White Wedding", a balada "Eyes Without a Face" e a dançante (responsável pela repulsão de muitos roqueiros radicais) "Dancing With Myself".

Nenhum comentário:

Postar um comentário